INSTALAÇÃO AMBULANTE

DO NOSSO JARDIM

André Soares Oliveira, Fernando Melo, Joana Pereira, Liliana Costa e Mariana Costa



Local | Centro histórico de Viseu

Como complemento à iniciativa “Ciência é uma arte para descobrir o invisível”, que se centra na inovação dos produtos regionais através da ciência, um conjunto de criativos desenvolve uma instalação efémera ambulante como um revivalismo à regionalidade. Traduzida num carrinho de venda ambulante, essa marca da vida urbana cosmopolita, esta instalação vai buscar elementos tão regionais como o fardo de palha, a toalha de piquenique ou o queijo da Serra da Estrela, para apregoar pelas ruas do centro histórico a venda de alguns produtos regionais feitos com ciência, carinho e actualidade. Voltando no tempo, apregoando as frases de venda de rua, revivemos o espírito contemporâneo da venda ambulante de novos produtos regionais. “Do Nosso Jardim” é o relembrar da venda de rua, no contexto actual da cidade invisível.


É “Do Nosso Jardim”, porque a sua casa-mãe é uma casa com jardim no centro histórico.

É “Do Nosso Jardim”, porque os produtos que vende são do nosso grande jardim.

É “Do Nosso Jardim”, porque Viseu é cidade jardim.

É “Do Nosso Jardim”, porque estamos nos Jardins Efémeros.